O que é Mondioring?

História:

           Esta modalidade canina surgiu, nos anos 80, a partir da fusão dos diversos regulamentos de Ring (provas de selecção de cães de utilidade policial sendo a prova de defesa efectuada em fato de protecção completo), que já existiam à cerca de 100 anos em países como a Bélgica. a França, a Holanda, a Suíça, entre outros, em que os exercícios eram executados de forma diferente embora com o mesmo objectivo final

          Esta fusão visou uniformizar os regulamentos e permitir realizar um Campeonato do Mundo de Ring em que todos os países pudessem participar, de modo a ser possível seleccionar os cães mais aptos física e psicologicamente a nível mundial para posteriormente servirem de reprodutores das diferentes raças, bem como evidenciar os melhores treinadores de cães a nível mundial.

 

          O Mondioring divide-se   em 3 níveis de dificuldade crescente, Mondioring 1, Mondioring 2 e Mondioring 3. Em cada prova os cães têm que executar exercícios de Obediência, exercícios de Saltos e exercícios de Provas de Coragem.

Composição de uma prova de Mondioring

1-       Obediência: o cão tem de executar os seguintes exercícios: recusa de alimento, andar ao lado sem trela, ficar deitado sobre distrações, executar posições (sentar, deitar, de pé) à distância, ir buscar um objecto variado e traze-lo ao dono, enviar em frente com chamada ao dono, diferenciação de um objecto entre iguais pelo odor.

Marcel Piacentini Abrantes

2-         Saltos: o cão tem de efectuar um salto vertical de ida e volta, cuja altura pode ser de 1 metro a 1.20 metros; um salto em comprimento que vai desde os 3 metros até aos 4, e transposição de uma palissada (parede vertical lisa) com altura entre 1,70 metros e 2,30metros.

Cão :Rock

  3-           Prova de Coragem: o cão tem de efectuar os seguintes exercícios: defesa do dono, guarda de objecto, ataque frontal com bastão (cana Bambu), ataque em fuga com disparos, ataque interrompido, ataque com acessórios, ataque com obstáculos, procura e escolta de malfeitor.

Marcel Piacentini Abrantes e o Cão Falcon

 Exercicios:

Obediencia

São compostos pelos seguintes exercícios:

 

            1 - Andar junto ao dono: Neste exercicio o cão tem de andar sempre na lateral do dono, independentemente do percurso definido e dos obstáculos encontrados. O dono não pode dar qualquer ordem a não ser a inicial, e o cão vai sem trela ou coleira.

            2 - Em frente: O cão terá de fazer uma linha recta, que poderá atingir aproximadamente 50 mts, e voltar ao comando do dono.

               3 - Apport: Neste exercício o cão terá que ir buscar, à ordem, o objecto lançado pelo dono e trazê-lo imediantamente.  

 

               4 - Deitado sobre distrações: o cão terá de ficar deitado num determinado local, sem poder alterar o seu posicionamento, sózinho, durante 1 minuto, resistindo a todas as distrações cujo propósito é fazê-lo sair daquele sitio e posição.

                5 - Posições: à distância, o dono comanda o seu cão ordenando-lhe uma sequência de posições (sentado, deitado e de pé) definida pelo juiz.  

 

                6 - Recusa de alimento: sem a presença do dono, o cão tem de recusar os deliciosos alimentos que os figurantes lhe vão oeferecer.   

     

              7 - Blocos: O cão terá de ir reconhecer o bloco de madeira largado pelo seu dono (odor) no meio de outros blocos.

Coragem

São compostos pelos seguintes exercícios:  

                  1 - Defesa do dono: O cão terá de ver que é que "bate" no seu dono e defendê-lo, independente das distrações ou pressões a que possa ser sujeito.  

 

                   2 - Ataque frontal com bastão: O cão terá que, à ordem do dono, neutralizar o homem que, com uma pau o ameaça e tenta dissuadir.

            3 - Ataque em fuga com disparos: Imaginem um bandido em fuga, o dono não o consegue apanhar e dá a ordem ao cão para o neutralizar, tendo que suportar o barulho dos tiros, sem medos.  

 

           4 - Ataque interrompido: um desenvolvimento da anterior, mas com uma nuance, dado que o dono decide que o bandido já não é para ser neutralizado pelo seu cão. Apesar do cão já estar em marcha, à distancia o dono comanda-o para voltar. Quanto mais proximo do suspeito em fuga for dada essa ordem, maior o grau de dificuldade e, obviamente, mais pontos.

                 5 -  Ataque com obstáculos: apesar do suspeito poder estar "protegido" por algum obstáculo, o cão tem de o saltar e sem temores, neutralizar o suspeito.  

               6 - Procura e escolta do suspeito: No campo encontra-se um homem escondido que o cão tem de procurar. Uma vez encontrado, tem de o escoltar sem comando do dono e sem nunca morder, excepto se este tentar fugir.

O porque de cada exercício?

               

 O Mondioring coloca em primeiro lugar as qualidades genéticas e físicas do cão. 

Os saltos no grau três são: 2,30 m na PALIÇADA, No salto em distancia de 4 m. Salto livre de 1,2 m.

 

   Os cães capazes de fazer tais saltos provavelmente não tem displasia e não a transmitirão a seus filhos. A presença de cães no ring trabalhando há mais de 45 minutos é um animal resistente e rústico. Você também deve ter um grande equilíbrio e autocontrole.

 

Por exemplo, durante a guarda do condutor o cão deve ter a noção do que é provocação e do que é uma agressão física real.

 

Deve ter sentido do olfato: Enviar o cão e este encontrar e identificar um objeto deixado por seu condutor no meio de outros.

Deve ter agilidade e destreza para morder o homem assistente (há) em movimento e sem deixá-lo escapar.

Qualidades

 

                  O cão para o Mondioring tem que ser robusto, ter reflexos rápidos, ter uma grande resistência à fadiga e ao calor, forte capacidade de impulsão, possuir uma grande elasticidade, ser psiquicamente capaz de permanecer numa atitude de tranquilidade, apesar das fortes provocações a que é submetido e caso necessário rapidamente passar a um estado de acção em segundos.

                 Necessita igualmente de ter espírito de iniciativa, mesmo perante uma situação desconhecida, para saber quando e como actuar e permanecer indiferente ás provocações de que é alvo.

Raças mais utilizadas

 

           São os Pastores Belgas, em especial a variedade Malinois, o Tervueren, alguns Lakenois e Groenendael (muito poucos), que há 100 anos são selecionados pelas modalidades de RING, logo seguidos pelos Pastores Alemães de linhas Francesas que há cerca de 50 anos, são seleccionados por alguns criadores em França, seguidas pelos Pastores de Beauce, pelos Pastores de Brie, entre outros Para poderem competir nesta modalidade, os exemplares têm que previamente ser considerados APTOS num TESTE DE SOCIABILIDADE, caso mostrem o menor desequilíbrio de carácter, instabilidade ou agressividade, são imediatamente suspensos.

Conselhos úteis:

 

Adquirir um Cão para a prática desta modalidade certifique-se que o cão tem origens de Ring (Francês, Belga, ) ou Mondioring e de preferência peça a opinião de alguém que esteja por dentro da modalidade.

Somos Representantes Brasileiro e Especialista no Esporte Mondioring (Obediência, Faro, Saltos e Proteção) a nível Internacional desde 2009.

Canil K9 Cão Educado - CNPJ: 19.675.540/0001-01
telefone: 11 4738-3841
k9treinamentocanino@gmail.com
Entregas via Correrios em até 10 dias úteis

Rua Marlene da Silva Rodrigues, Itapeti, Mogi das Cruzes - SP

MARCEL: (11) 94729-2551 | LILLIAN: (11) 94076-0210  | FIXO: (11) 4738-3841 

  • Google Places - cinza Círculo
  • Facebook - círculo cinza
  • YouTube - círculo cinza
  • Instagram - Cinza Círculo